Notícias UNIPAC

NAP participa de Processo Seletivo Online para docentes, no UNIPAC Barbacena

Banca examinadora UNIPAC

No atual cenário em que vivemos, importo pela pandemia da Covid-19, o UNIPAC Barbacena, com o apoio do Núcleo de Apoio Psicopedagógico (NAP), realizou avaliações de docentes utilizando sua plataforma virtual. As avaliações foram realizadas durante o mês de julho e contaram com a banca composta por quatro membros do Centro Universitário Presidente Antônio Carlos, que foram: professora Sarah Russo, Diretora Acadêmica; professora Polyana Cury Marinho, coordenadora do curso de Medicina Veterinária; professora Gislene Marengo Cusin, coordenadora do NEO e Maria da Conceição Fajardo Monteiro, coordenadora do NAP.

Segundo a professora Maria da Conceição Fajardo, “as bancas online foram realizadas com êxito e cumpriram o rito do processo, isto é, foram adequadas aos novos espaços tecnológicos, respeitando a seriedade que o momento exige, para avaliar entre os candidatos, aquele que os membros da banca acreditam que possuem o perfil que o UNIPAC demanda para a continuidade de um ensino com excelência e para agregar ao corpo docente. Ou seja, professores que estão atentos ao novo cenário da educação, ao avanço da tecnologia, às metodologias ativas, vislumbrando as várias formas de aprender”, pontuou.

O NAP está envolvido em todo o processo seletivo para docentes. Desde o arquivo dos currículos enviados e sua disponibilização para avaliação do coordenador do curso, contato com os candidatos para as devidas orientações da aula didática, participação na banca até o resultado final.

“O UNIPAC Barbacena, através do NAP, contempla o atendimento em várias dimensões, que envolvem toda a comunidade acadêmica, buscando a cada dia aperfeiçoamento presencial e virtual. Nesse cenário atual de pandemia da Covid-19, muitos alunos, dos diversos cursos do Campus Barbacena, estão se beneficiando dos atendimentos psicológicos em formato online. Atendimentos esses que continuarão no período de recesso acadêmico para que os alunos sintam-se amparados durante todo período de distanciamento social”, completou a Maria da Conceição Fajardo.